A Copel está investindo R$519 milhões em obras na região Oeste do Paraná, a maior parte desse montante é destinada ao programa Paraná Trifásico, que moderniza a rede elétrica no campo de modo a dar suporte ao desenvolvimento agropecuário. O programa receberá R$153 milhões para construir 1,6 mil quilômetros de novas redes em toda a região.

Os números foram apresentados nesta quarta-feira (09) pelo presidente da Copel, Daniel Slaviero, no Show Rural, em Cascavel, a produtores rurais da região. Ao lado do diretor-geral da Copel Distribuição, Maximiliano Orfali, e do secretário da Agricultura e Abastecimento do Paraná, Norberto Ortigara, ele falou sobre o plano de investimentos da companhia e apresentou novidades sobre geração distribuída, assunto bastante discutido na feira este ano.

Além do programa Paraná Trifásico, o plano de investimentos da Copel para este ano prevê a construção de novas subestações, linhas de distribuição e a ampliação do Programa Rede Elétrica Inteligente, maior iniciativa de smart grid da América Latina. 

NOVAS OBRAS – As novas obras do Paraná Trifásico no Oeste vão ser somadas aos R$163 milhões já investidos no programa na região. No Paraná, como um todo, o programa já aplicou R$757 milhões na construção de novas redes. Em 2022 a iniciativa vai investir mais R$450 milhões em todas as regiões do Estado.

“O Paraná Trifásico está sendo implementado com celeridade e eficiência. Ao todo, vamos construir 25 mil quilômetros de linhas no Estado, o que faz dele o maior programa do gênero no País”, explicou Slaviero. “Na prática, as novas redes representam energia de qualidade ao campo e infraestrutura para o desenvolvimento do agronegócio paranaense.”

“Os custos e intervalos para manutenção serão reduzidos com as novas redes trifásicas, que serão interligadas para garantir redundância no fornecimento de energia. Além disso, ela vai permitir que tecnologias avançadas sejam instaladas e integradas ao restante das redes da Copel”, ressaltou o diretor-geral da Copel Distribuição, Maximiliano Orfali.

PROGRAMA – Toda a espinha dorsal da rede de distribuição no campo está sendo trifaseada, substituindo a tecnologia monofásica existente. Além de garantir energia de mais qualidade e com maior segurança, o programa proporciona o acesso do produtor rural à rede trifásica a um custo muito inferior ao que hoje é pago. A Copel vai investir R$2,7 bilhões para alcançar todos os cantos do Paraná.

Com o Paraná Trifásico, a Copel melhora a qualidade no fornecimento de energia para o campo, renova seus ativos e garante mais segurança aos seus funcionários e à população. Os novos cabos com capa protetora isolante têm nível de resistência reforçada quando atingidos por galhos de árvores ou outros objetos.

As novas linhas têm conexões inteligentes com a central de monitoramento da rede, chamados religadores automáticos. Esses equipamentos têm capacidade para identificar problemas e “abrem temporariamente” para passagem de eventuais curtos e evitar desligamentos, e religam a energia sem precisar de interferência humana.

INVESTIMENTO EM DISTRIBUIÇÃO – Em 2022, a Copel vai investir R$1,63 bilhão em obras de distribuição de energia no Paraná, o maior montante da história da Companhia. Além do Paraná Trifásico, são R$400 milhões na construção de novas linhas e subestações, R$300 milhões no Programa Rede Elétrica Inteligente, R$250 milhões no atendimento a consumidores e R$200 milhões no Programa Confiabilidade Total.

Fonte: https://www.aviculturaindustrial.com.br/imprensa/copel-confirma-investimentos-de-r-519-milhoes-na-regiao-oeste-do-pr-em-2022/20220210-084450-W726