Mais de 70 mil desalojados e desabrigados. Água chegando até o segundo andar. Estado de emergência em mais de 130 cidades. Esse é o panorama atual da Bahia, no nordeste brasileiro. Uma série de fatores desencadeou um desastre que chama a atenção internacional. Acompanhe:

-Zona de Convergência do Atlântico sul: uma faixa de nuvens e umidade que se desloca da Amazônia para o sul do Atlântico, comum nesta época do ano no sudeste do Brasil.

-La Niña: fenômeno que esfria as águas do Pacífico equatorial, aumentando o número de chuvas no centro-norte brasileiro.

-El Niño: aquecimento das águas do Atlântico, aumentando a umidade e o calor do nordeste. 

Esse casamento de fatores ocasionou a chuva acima da média da região, gerando uma zona de baixa pressão que “prende” a umidade no local. 

Você pode ajudar a população por meio destes links: https://g1.globo.com/ba/bahia/noticia/2021/12/27/saiba-como-ajudar-moradores-das-cidades-afetadas-pelas-chuvas-na-bahia.ghtml

📞 (41) 3022 – 6732⠀

🌐 www.vetorlog.co